in

MINI GUIA completo: entenda tudo sobre convite de casamento

MINI GUIA completo entenda tudo sobre convite de casMINI GUIA completo entenda tudo sobre convite de casamento

Você já deve estar cansada de saber que o convite de casamento é o cartão de visitas da festa, mas sempre é bom reforçar que é preciso ter muita atenção na hora de realizar essa tarefa.

Antes de escolher o convite definitivo, você precisa saber o que, quando, quanto, com quem e como cuidar desse item tão importante da celebração. Por isto, elaboramos este Mini Guia, com tudo o que você precisa saber sobre convites para casamento.

Seja em um casamento religioso com ou sem festa, o convite de casamento é essencial. Confira!

Como fazer convite de casamento

Para muitos noivos as emoções do casamento começam quando os convites ficam prontos e eles podem ver seus próprios nomes gravados. E é um pouco desta emoção que cada convidado compartilha ao receber o convite.

O convite tem caráter informativo e por isso deve ser produzido com responsabilidade. E, lembre-se, enquanto não recebe o convite, o convidado não sabe nada sobre a festa. O convite é o instrumento que levará aos seus convidados as informações e as percepções a respeito da sua festa.

MINI GUIA completo entenda tudo sobre convite de casamento   MINI GUIA completo entenda tudo sobre convite de casamento

Organize o tempo

Os convites de casamento devem ser providenciados com, pelo menos, seis meses de antecedência. E devem ser entregues, preferencialmente pelos noivos, de 30 a 40 dias antes da celebração para os convidados próximos; e de 60 dias antes para os convidados que moram longe.

Portanto, jamais deixe o convite para a última hora, assim como não deve ser deixado para depois a escolha do vestido para mãe da noiva e do noivo. Elabore um cronograma e cumpra cada passo com disciplina.

Pesquise muito

Inicie o quanto antes uma criteriosa e perseverante pesquisa sobre o assunto. Procure não só modelos, estilos, materiais ou acabamentos, mas também por profissionais e empresas cujo trabalho você goste. Separe fotografias de modelos, informações e solicite orçamentos.

Entre em contato com outros clientes, peça referências e descubra o que se fala sobre a empresa e sobre a sua reputação. Principalmente se a compra for pela internet, faça contato pessoal para sentir o atendimento, a cordialidade, a agilidade, a responsabilidade e o profissionalismo da empresa.

Escolha o modelo de convite mais adequado

Mantenha o foco! Há muitos modelos disponíveis no mercado. Para isso, antes de agendar uma reunião com a empresa escolhida, defina o que você pretende comunicar aos seus convidados.

Confie a criação do convite ao profissional ou à empresa que você escolheu. Forneça dicas, referências, orientações, fale um pouco sobre vocês, sobre os seus anseios e expectativas, sobre o que vocês gostam e sobre o que não gostam.

Muito importante: a forma ideal para calcular a quantidade de convites para o seu casamento é elaborar uma lista detalhada de todos os seus convidados e separar por famílias. Assim vocês terão o número de convites. Não esqueça de incluir na sua encomenda cerca de 15 a 20% a mais por garantia.

Não esquecer dos detalhes formais

Formalize sua relação comercial com a empresa que vai produzir os convites do seu casamento. E isso se faz com um contrato. Especificar e ajustar deveres e obrigações para ambas as partes é a melhor forma de garantir que você não será surpreendido negativamente.

No contrato, ou em documentos nele mencionados, devem ser pontualmente estabelecidas as especificações do material a ser produzido, como papel, tipo de impressão, criação de arte exclusiva, quantidades, acabamentos etc. Prazos, valores e a forma de pagamento também são itens que devem estar devidamente ajustados.

Quando vocês receberem a prova, confira cuidadosamente cada detalhe do convite, horários, locais, endereços, grafia das palavras, nomes e qualquer outra informação relevante para orientar os convidados. Leia e releia quantas vezes for preciso. Peça para que outra pessoa faça o mesmo.

Por fim, com os convites perfeitos em mãos, curta muito a fase da entrega. Os noivos devem fazer isso preferencialmente juntos. Muitos admitem que é uma etapa trabalhosa, mas extremamente recompensadora, pois cada convidado que recebe o convite retorna palavras de agradecimento, carinho e votos de eterna felicidade.

MINI GUIA completo entenda tudo sobre convite de casamento

Como escolher o convite

É fundamental que os convites combinem com a decoração da festa, com a personalidade dos noivos e passem uma mensagem agradável, até mesmo no convite de casamento simples. E como são muitos detalhes para resolver, selecionamos algumas dicas.

Papel

Existem diversos tipos de papel para convite de casamento. No entanto, o papel usado vai depender muito do tipo de casamento. Para casamentos clássicos ou tradicionais, são indicados papéis com texturas bem delicadas, brancos ou off White, isso mesmo, o mesmo tom do vestido de noiva off White, que tem feito tanto sucesso entre as noivinhas. Até mesmo os papéis com brilho podem ser usados.

Para casamentos no campo ou na praia, são utilizados papéis com aparência mais rústica e texturizados. Nesses casos não é utilizado papel com brilho. Casais mais ousados podem optar por papéis com cores escuras.

Lembre-se que a escolha do papel afeta diretamente no tipo de impressão também. Se optar por papéis muito escuros como preto, azul marinho e marrom por exemplo, a impressão terá que ser em gráfica profissional para utilizar tinta branca, prata, dourada etc. Se o papel tem muita textura, ficará melhor uma impressão especial com relevo, verniz etc.

Além da escolha dos papéis, não esqueça dos detalhes de acabamento, como fitas, laços, tags, pingentes, tecidos, rendas etc. Tudo isso dá um charme a mais ao seu convite e ajudam a formar a identidade visual também.

MINI GUIA completo entenda tudo sobre convite de casamento

Fonte

As fontes para convite de casamento ou letras que serão usadas na parte de fora do convite não precisam ser, necessariamente, a mesma letra do texto para convite de casamento. A letra usada para passar aos convidados as informações do casamento tem que ser legível.

É muito difícil errar com as fontes cursivas. Elas são clássicas, delicadas e sempre uma boa opção para um convite de casamento.

Mas, se quiser fugir das fontes cursivas, ou preferir algo ainda mais legível, existem várias letras “clean”, que são mais limpas e com menos detalhes. Você pode ainda optar por modelos diferenciados ou temáticos.

Na parte de fora do convite é possível usar fontes mais pomposas, lúdicas e exageradas. Já que elas não vão ser usadas em um texto para repassar informações importantes, elas não precisam ser completamente legíveis, e é até interessante que sejam criativas e se destaquem. Vale lembrar que a parte de fora do convite também é usada para escrever o nome dos convidados. Por isso, vale destacar a importância deste lado conversar com a parte de dentro do convite, já que fazem parte de todo um contexto.

One Comment

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *